Páginas

21 de fevereiro de 2014

Sorvete de Coco



Essa receita é da minha super best friend. Passamos nossos dias de faculdade afundadas no chocolate. Véspera de prova, relatórios para fazer, dia de chuva, tudo era motivo para comprar duas barras de chocolate (uma pra cada, claro) e comer numa sentada só! Quando a gente queria evitar doce, a gente substituía o chocolate por balinhas de goma! Comíamos sem culpa, como se a troca tivesse sido boa, ignorando nossas horas de aulas da tão amada bioquímica.

Segue aí a receita de sorvete de coco da minha amiga nutricionista! Mas, atenção! É como substituir por balinhas de goma, hein!

Ingredientes:

  • 2 e 1/2 xícara de creme de leite (usei 600g)
  • 1 xícara de leite de coco (usei 1 vidrinho)
  • 3/4 xícara de açúcar
  • 1 colher de chá de liga neutra
  • 1/2 colher de chá de emulsificante
  • 3/4 xícara de coco ralado

Modo de preparo:

  • Colocar todos os ingredientes, menos o coco ralado, no liquidificador. Deixar na geladeira até ficar uma massa fria. Colocar na sorveteira, deixei batendo por 15 minutos. Depois de pronto, misturar o coco ralado. Levar para o congelador.



Uma emperequetadinha...


Amiga, obrigada pela receita e obrigada por compartilhar!!



19 de fevereiro de 2014

KitchenAid e Sorveteira - my precious!!!

A minha maior descoberta de 2013 foi a sorveteira! Já fazia uns 2 anos que eu sonhava em ter uma sorveteira, e no fim compramos durante a lua de mel. Super pesada, ocupou um espação na mala, mas super valeu a pena!



Quando fui procurar sobre sorveteira, li vários comentários e fiquei muito na dúvida se comprava, pois ou a pessoa amava, ou queria até o dinheiro de volta. Ainda bem que meu caso foi de amor! Super recomendo! Meu único problema é que agora o freezer vive cheio. A sorveteira precisa ficar 15 horas no freezer antes de utilizá-la, e eu deixo ela todos os dias lá. Nunca se sabe quando vai dar aquela vontade de fazer sorvete!

Minha sorveteira é um acessório da batedeira dos sonhos, a KitchenAid! Essa batedeira tem em tantas cores super lindas, e é muito difícil escolher qual pegar, devo ter ficado umas 2 horas namorando elas. Muitas dúvidas pairam no ar na hora de comprar, em especial porque a branca é em torno de $100 mais barata, então fiquei muito tentada na economia, mas como ia carregar 25kg across the world (leia-se: maridão ia carregar 25kg), não dava pra mudar de ideia depois. Então escolhi a Empire Red, dá pra resistir a um nome desses?



No final do ano encontrei com minha super best friend que mora do outro lado do brasil, e foi a maior emoção quando descobri que ela também tem essa sorveteira e ficou de me passar um montão de receitas!!! O melhor mesmo é que as receitas dela são muito mais práticas que as minhas! Essa semana ela me mandou as receitas por e-mail, não vejo a hora de testá-las!!

Até logo receitas de cereais, foi 1 semana de vida saudável!!! Logo logo volto com novidades geladinhas!!!

18 de fevereiro de 2014

"Barrinhas" de cereal

Nos dias de faculdade (fiz nutrição), meu pior pesadelo eram as aulas práticas. Ir pro "laboratório", pra não chamar de cozinha, era uma das coisas que realmente faziam eu me perguntar... "o que que eu to fazendo aqui!?" É, eu não gostava de cozinhar!! Pra ir para uma aula prática, a gente tinha que ir no mercado antes. Pegar busão com um monte de sacolas do mercado não era algo que eu imaginava pra faculdade.

Mas, o que me marcou, foi que em uma das aulas íamos fazer uma receita de barra de cereal. Eu nem sabia que dava pra fazer barra de cereal em casa! Mas, com a correria da aula, a prof. deixou essa receita de fora! Eu nem lembro o que a gente fez naquele dia... deve ter sido feijão, suco de soja ou algo do tipo. Mas o que marcou mesmo foi deixar a barra de cereal de lado.

Agora, anos mais tarde, resolvi ir pra cozinha e me arriscar. Esta já é a terceira receita que faço em menos de 1 semana. Ela na verdade parece mais uma bolachinha. Fiz outra que não vai manteiga e nem açúcar e é claro que não agradou a todos! Vou refazê-la e posto mais tarde!

Esta receita é uma mistura de várias receitas. Usei também o que tinha em casa, dá pra trocar muitos dos cereais.

Ingredientes:

  • 75g de farinha de trigo integral
  • 150g manteiga temperatura ambiente
  • 100g aveia grossa
  • 100g aveia fina
  • 120g açúcar mascavo
  • 50g castanha de cajú 
  • 50g castanha do pará picadas
  • 50g de flocos de arroz
  • 50g avelãs
  • 1 colher (chá) linhaça
  • 2 colheres (chá) chia
  • 1 colher (chá) pepitas de girassol
  • 2 colheres (chá) castanha de cajú moída
  • 1 colher (chá) gergelim

Modo de preparo:

  • Misturar tudo muito bem e colocar numa forma forrada com papel alumínio. Prensar bem a massa com uma colher. Assar em forno pré aquecido 180ºC, em torno de 30 minutos ou até dourar. Deixar esfriar e cortar.




Eu achei muito difícil de cortar. Tentei cortar quente, morno, frio e depois de horas na geladeira e assim mesmo achei que não foi fácil. Talvez não usei a faca certa. Então resolvi fazer em forminhas. Ia fazer na de alumínio e minha irmã deu a ideia de fazer na forma de silicone. Ficaram perfeitas! Só que dá mais trabalho ficar dividindo nas forminhas e prensando. Mas a vantagem de não ter que cortar depois, compensa! Na forma de silicone deixei assando por uns 20 minutos.