Páginas

15 de setembro de 2014

♥ Aniversário de 3 anos da minha sobrinha

Mês que vem minha sobrinha completa 4 anos e, além de pensar o que vamos fazer para a próxima festinha, também lembrei que precisava atualizar as fotos do aniversário de 3 anos! O tempo voa!






















Agradeço ao nosso amigo Alexandre pelas fotos!

6 de junho de 2014

♥ Hello Kitty Cookies ♥

Depois que virei tia dá vontade de fazer tudo bonitinho para ver aquela carinha de alegria das crianças quando ganham um agrado! Quando minha irmã me deu as forminhas de Mickey e Minnie, ela também me deu essas forminhas da Hello Kitty! E como aquela receita que fiz os cookies do Mickey ficaram boas, acabei utilizando a mesma receita para as Hellos!



Ingredientes:
  • 2 copos (americano) de farinho de trigo
  • 1/2 colher (de chá) de fermento em pó
  • 1/4 colher (de chá) de sal
  • 1 tablete (100g) de manteiga sem sal, temperatura ambiente
  • 1 copo (americano) de açúcar
  • 1 ovo
  • 1 colher (de chá) de essência de baunilha



Modo de preparo:
  • Num bowl, peneire a farinha de trigo, o fermento em pó e o sal. Reserve.
  • Na batedeira, bata a manteiga e o açúcar até ficar um creme pálido e fofo. Acrescente o ovo e a essência de baunilha e continue batendo.
  • Reduza a potência da batedeira para fraco e gradualmente acrescente a mistura da farinha. Misture até ficar homogêneo.
  • Divida a massa na metade, molde discos e coloque em dois sacos plásticos. Leve a geladeira e deixe até que a massa fique firme. Deixe gelar por umas 2 horas.
  • Retire um dos discos da geladeira e aguarde até que ele chegue a uma temperatura que dê para moldar, em torno de 10 minutos.
  • Pré aqueça o forno a 190°C.
  • Prepare uma superfície com farinha, estique a massa e use os cortadores para fazer a forma desejada.
  • Enquanto molda os cookies do primeiro disco, retire o outro disco da geladeira.
  • Coloque os cookies numa superfície untada, leve a geladeira por uns 15 minutos, em seguida coloque para assar até que fique dourado. Em torno de 18 a 20 minutos.
  • Deixe esfriar numa grade e para armazenar, coloque num pote bem fechado.




28 de maio de 2014

Nem tudo são flores... Zoku Quick Pop Maker

Tudo começou quando eu estava a toa no computador, navegando pelos blogs afora e eu descobri uma maquininha de fazer picolés - Zoku Quick Pop Maker (só pelo nome parece que fica delicioso!!). Quando faço uma descoberta dessas parece que meu dedo não vai dar conta de clicar nos links, de googlear tudo que preciso, de buscar reviews, descobrir quanto é, onde comprar, tem várias cores, novos modelos!?!?

Só achei para comprar em site dos estrangeiros. Depois de horas escolhendo o modelo, acessórios e tudo mais, enchi meu carrinho online de compras e, na hora de confirmar, descobri que não passava cartão internacional. Como assim?! Num mundo globalizado como o de hoje não passa meu cartão!? Escrevi um e-mail super simpático, perguntando se tinha algum jeito de comprar e eles responderam simpaticamente que... NÃO! Buaaaaaa!

E, na lua de mel, quando estávamos em Las Vegas ( sim, a lua de mel foi bem proveitosa!) eu quase infartei de tanta alegria. Fomos numa loja da Williams Sonoma, detalhe, loja OUTLET! É que nunca tive coragem (pra não dizer bolso) de entrar numa Williams Sonoma Store. Enfim, entrei no outlet super feliz com os preços, quando me deparo com uma estante que me deixou paralisada: Zoku e Cia!! Acho que até tocou música de fundo quando eu vi, não parecia real! Fui correndo perguntar pro maridão se ainda tinha espaço nas malas e ele disse com cara de quem não queria dizer: "Pode pegar, depois a gente dá um jeito!". Ueba!!! Passe livre, enchi o carrinho!!

Na Williams Sonoma Outlet


Depois da viagem, voltei a correria do mundo real: trabalho. E toda minha compra ficou encaixotada. Uns tempos atrás, vi que virou "febre" um post de picolé de nutella e toda vez que eu via a foto meu coração saltitava pensando "eu tenho a Zoku, posso fazer!". Acho que muitos nem perceberam a Zoku ali no cantinho da foto, mas eu a reconheci de primeira e aquela sensação de poder fazer o picolé quando eu quisesse enchia meu coração de alegria.

Foto retirada de: http://sossolteiros.virgula.uol.com.br/tag/como-fazer-picole-de-nutella/

Dois meses atrás (foi há um tempo porque eu ainda não estava preparada para falar sobre o assunto), me deu uma vontade de fazer picolés, tive que aproveitar porque não é sempre que dá aquela vontade de chegar a tirar tudo das caixas. Já estava sonhando em fazer uns picolés iguais aquelas paleterias mexicanas que estão famosas por aí. Estava na dúvida... começaria pelo de nutella ou chocolate belga? (hahaha...assim que a gente sonha com a receita, mas quando fica pronto é um simples sabor achocolatado).


Enfim, estava lá sonhando com meu picolé e, quando eu abri a caixa, o sorriso não durou nem um segundo! Vi que o papel que cobria a maquininha tava meio manchado. "Ué...que estranho!". E quando eu tiro ele, pronto! Meus sweet little dream acaba ali mesmo. Tá tudo enferrujado!!!!!! Buaaaaaaaaaaaaaaaaaaaa!!!!

Passei por todos os estágios: primeiro a negação - corri para lavar, pois afinal era apenas uma sujeira. Depois a raiva - "Porque diacho eu não escolhi outra caixa entre tantas?". Aí veio a barganha - "Vou entrar em contato com a loja pra ver se eles fazem alguma coisa". A depressão - "Não adianta entrar em contato com a loja, já passou um tempão. Ó mundo cruel, não poderei fazer minhas paletas". E a aceitação - "Paciência, agora é continuar usando minhas forminhas de plástico da Casa China (loja tipo R$1,99)".  

minha zoku  =,(


Pois é minha gente... nem tudo são flores em compras no exterior. Agora vou ter que ir pra mais uma lua de mel pra poder comprar uma brand new Zoku. Já que eu tenho todos os acessórios, não desistirei!!!!

- Maridão, prepare os bolsos!!!!


Meus acessórios esperando a peça principal!

26 de março de 2014

Curso de doces finos - um must!



Lembro da primeira vez que fiz chocolate. Foi em 1994 (tente ler isso: "foi no ano de mil novecentos e noventa e quatro", OMG! adicionou um peso de século nas costas!!! hehehe). Naquele ano eu e minhas amigas da escola resolvemos fazer um amigo secreto de Páscoa diferente. Nós éramos em 4 e cada uma tinha que fazer o presente da outra, não podia comprar o chocolate pronto. Eu nem sabia fazer, então tive que pedir uma ajudinha da minha mãe. (É bem aquelas coisas que os filhos inventam e sobra pros pais!). Lembro que a gente ficou derretendo o chocolate no banho maria, esfriou e colocou nas forminhas. Quando ficou pronto, não acreditei!!! Só isso!?!? Pegamos uma caixa transparente de chocolate, embrulhamos os nossos numas embalagens vermelhas e fizemos uma fita bem bonita.

No dia de revelar os presentes, eu estava tão animada! Queria tanto que minha amiga visse o chocolate que preparei. Quando chegou a hora, uma das minhas amigas tinha tido um problema de saúde e não pôde fazer o chocolate. Mas a minha ansiedade em dar o chocolate era tanta, que eu nem me lembro se eu ganhei chocolate ou não! Não tenho na memória o meu presente, apenas que eu comi um chocolate caseiro feito por uma delas e eu achei muuuuuuuuuuuuuitoo delicioso! Foi naquele momento, a descoberta de um novo mundo!

Sempre fico de olho em cursos de chocolates e confeitaria. Já fiz com a Simone Izumi, na Chocolândia, na Casa do Confeiteiro, no Mundo das Confeitarias e também no Espaço Gourmet.

Ano passado fiz um curso de doces finos no Espaço Gourmet. Foi um curso de 5 dias com a chef Alessandra, a mulher brigadeiro e a chef Polyana Rodrigues, da Grué Chocolateria. Aprendemos muitas receitas e dicas boas para uma mesa de doces! Alguns deles já fiz e outros ainda preciso fazer!

A Páscoa está chegando e tem um montão de curso que eu queria fazer!! Mas este ano a agenda está meio cheia e não vai dar! Mas espero ter novidades pra trazer por aqui!




21 de fevereiro de 2014

Sorvete de Coco



Essa receita é da minha super best friend. Passamos nossos dias de faculdade afundadas no chocolate. Véspera de prova, relatórios para fazer, dia de chuva, tudo era motivo para comprar duas barras de chocolate (uma pra cada, claro) e comer numa sentada só! Quando a gente queria evitar doce, a gente substituía o chocolate por balinhas de goma! Comíamos sem culpa, como se a troca tivesse sido boa, ignorando nossas horas de aulas da tão amada bioquímica.

Segue aí a receita de sorvete de coco da minha amiga nutricionista! Mas, atenção! É como substituir por balinhas de goma, hein!

Ingredientes:

  • 2 e 1/2 xícara de creme de leite (usei 600g)
  • 1 xícara de leite de coco (usei 1 vidrinho)
  • 3/4 xícara de açúcar
  • 1 colher de chá de liga neutra
  • 1/2 colher de chá de emulsificante
  • 3/4 xícara de coco ralado

Modo de preparo:

  • Colocar todos os ingredientes, menos o coco ralado, no liquidificador. Deixar na geladeira até ficar uma massa fria. Colocar na sorveteira, deixei batendo por 15 minutos. Depois de pronto, misturar o coco ralado. Levar para o congelador.



Uma emperequetadinha...


Amiga, obrigada pela receita e obrigada por compartilhar!!



19 de fevereiro de 2014

KitchenAid e Sorveteira - my precious!!!

A minha maior descoberta de 2013 foi a sorveteira! Já fazia uns 2 anos que eu sonhava em ter uma sorveteira, e no fim compramos durante a lua de mel. Super pesada, ocupou um espação na mala, mas super valeu a pena!



Quando fui procurar sobre sorveteira, li vários comentários e fiquei muito na dúvida se comprava, pois ou a pessoa amava, ou queria até o dinheiro de volta. Ainda bem que meu caso foi de amor! Super recomendo! Meu único problema é que agora o freezer vive cheio. A sorveteira precisa ficar 15 horas no freezer antes de utilizá-la, e eu deixo ela todos os dias lá. Nunca se sabe quando vai dar aquela vontade de fazer sorvete!

Minha sorveteira é um acessório da batedeira dos sonhos, a KitchenAid! Essa batedeira tem em tantas cores super lindas, e é muito difícil escolher qual pegar, devo ter ficado umas 2 horas namorando elas. Muitas dúvidas pairam no ar na hora de comprar, em especial porque a branca é em torno de $100 mais barata, então fiquei muito tentada na economia, mas como ia carregar 25kg across the world (leia-se: maridão ia carregar 25kg), não dava pra mudar de ideia depois. Então escolhi a Empire Red, dá pra resistir a um nome desses?



No final do ano encontrei com minha super best friend que mora do outro lado do brasil, e foi a maior emoção quando descobri que ela também tem essa sorveteira e ficou de me passar um montão de receitas!!! O melhor mesmo é que as receitas dela são muito mais práticas que as minhas! Essa semana ela me mandou as receitas por e-mail, não vejo a hora de testá-las!!

Até logo receitas de cereais, foi 1 semana de vida saudável!!! Logo logo volto com novidades geladinhas!!!

18 de fevereiro de 2014

"Barrinhas" de cereal

Nos dias de faculdade (fiz nutrição), meu pior pesadelo eram as aulas práticas. Ir pro "laboratório", pra não chamar de cozinha, era uma das coisas que realmente faziam eu me perguntar... "o que que eu to fazendo aqui!?" É, eu não gostava de cozinhar!! Pra ir para uma aula prática, a gente tinha que ir no mercado antes. Pegar busão com um monte de sacolas do mercado não era algo que eu imaginava pra faculdade.

Mas, o que me marcou, foi que em uma das aulas íamos fazer uma receita de barra de cereal. Eu nem sabia que dava pra fazer barra de cereal em casa! Mas, com a correria da aula, a prof. deixou essa receita de fora! Eu nem lembro o que a gente fez naquele dia... deve ter sido feijão, suco de soja ou algo do tipo. Mas o que marcou mesmo foi deixar a barra de cereal de lado.

Agora, anos mais tarde, resolvi ir pra cozinha e me arriscar. Esta já é a terceira receita que faço em menos de 1 semana. Ela na verdade parece mais uma bolachinha. Fiz outra que não vai manteiga e nem açúcar e é claro que não agradou a todos! Vou refazê-la e posto mais tarde!

Esta receita é uma mistura de várias receitas. Usei também o que tinha em casa, dá pra trocar muitos dos cereais.

Ingredientes:

  • 75g de farinha de trigo integral
  • 150g manteiga temperatura ambiente
  • 100g aveia grossa
  • 100g aveia fina
  • 120g açúcar mascavo
  • 50g castanha de cajú 
  • 50g castanha do pará picadas
  • 50g de flocos de arroz
  • 50g avelãs
  • 1 colher (chá) linhaça
  • 2 colheres (chá) chia
  • 1 colher (chá) pepitas de girassol
  • 2 colheres (chá) castanha de cajú moída
  • 1 colher (chá) gergelim

Modo de preparo:

  • Misturar tudo muito bem e colocar numa forma forrada com papel alumínio. Prensar bem a massa com uma colher. Assar em forno pré aquecido 180ºC, em torno de 30 minutos ou até dourar. Deixar esfriar e cortar.




Eu achei muito difícil de cortar. Tentei cortar quente, morno, frio e depois de horas na geladeira e assim mesmo achei que não foi fácil. Talvez não usei a faca certa. Então resolvi fazer em forminhas. Ia fazer na de alumínio e minha irmã deu a ideia de fazer na forma de silicone. Ficaram perfeitas! Só que dá mais trabalho ficar dividindo nas forminhas e prensando. Mas a vantagem de não ter que cortar depois, compensa! Na forma de silicone deixei assando por uns 20 minutos.